Coloque aqui seu email e receba atualizações do blog do Hugo Vinícius

Camila Pitanga aparece nua em seu novo filme


Desinibida, segura e sem pudor. Pela primeira vez totalmente nua na telona, Camila Pitanga surge inflamável no filme Eu Receberia as Piores Notícias de Seus Lindos Lábios, que já lhe garantiu o prêmio de melhor atriz no último Festival do Rio. Em cenas de nudez, frontais, algumas vezes, ela encarna Lavínia, uma prostituta alcoólatra, viciada em cocaína, que muda radicalmente de vida, mas sem perder a essência devassa jamais.
"As cenas de nudez não foram uma questão para mim. Não houve redução da equipe por esse motivo, ou qualquer outro. Tive acolhimento e confiança para poder me jogar. Eu já conhecia o trabalho do Beto (Brant) e do Renato (Ciasca). Eles mostram sexo com poesia", disse a atriz, de 34 anos, ao jornal O Dia.
Ainda muito lembrada pela prostituta Bebel, da novela Paraíso Tropical (2007) -- em que fazia uma dobradinha bandida com Olavo (Wagner Moura) --, Camila não vê semelhanças entre a vigarista e sua personagem no filme.
"Elas são de universos diferentes. É bacana mexer com essas emoções, o lado mais marginal, mas elas são de repertórios diferentes. A atriz é que é a mesma", defende ela, sem desmerecer Bebel. "Ela foi um ponto importante da minha carreira", admite.
Em Eu Receberiaas Piores Notícias, Camila protagoniza cenas em que a personagem fuma maconha antes de transar com o amante, Cauby, interpretado por Gustavo Machado, e enche a cara de cachaça.
"Eu sou diferente, bem tranquila. Não tomo nem pilequinho", disse Camila, que, para compor a personagem, visitou uma clínica de reabilitação.


"Inicialmente, Lavínia seria viciada em crack, mas é um caminho sem volta. A gente viu que o caso dela era de bebedeira, pó e a própria loucura", revelou a atriz, que só teve dificuldade mesmo para construir todas essas nuances. "Os estados de loucura deram mais trabalho que as cenas nudez", destacou.
Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios é uma adaptação do livro de Marçal Aquino. O longa, praticamente todofilmado em Santarém, no interior do Pará, conta a história do explosivo triângulo amoroso entre a ex-prostituta Lavínia (Camila Pitanga), um pastor evangélico (Zé Carlos Machado) e Cauby (Gustavo Machado), um fotógrafo forasteiro. Salva das calçadas pelo pastor, a personagem de Camila até tenta levar uma vida honesta, mas se apaixona loucamente por Cauby.

Fonte: OFuxico

0 comentários:

Postar um comentário

Parceiros

Clique na imagem para ouvir a rádio ao vivo